28 de abril de 2014

Isolamento

Desde que decidi  procurar ajuda para mudar de vida venho me sentindo culpada, e essa culpa vem me fazendo ficar a cada dia mais deprimida. Durante muito tempo eu achei que conseguiria fazer as coisas sozinha, que nunca ia precisar entrar em um consultório e dizer "Dr corta meu estômago porque não consigo parar de comer!", e quando me vi sentada na frente do médico a ficha caiu. Eu não consegui!!
Creio que o que me deixa mais deprimida são os olhares, as cobranças. Queria poder fazer tudo escondido, queria simplesmente aparecer magra do dia para  a noite e não precisar responder as perguntas que me são feitas todos os dias. É claro que fico muito feliz quando um amigo me pergunta se está tudo bem, como anda os exames e as consultas médicas, o que me incomoda são as perguntas mais ofensivas do tipo: " E ai, quando é que você vai operar?" Isso me faz sentir mais culpa ainda, é como se a pessoa estivesse me dizendo: "Demorou pra você arrancar essa pança toda fora!"
Bom, de uns tempos para cá vejo que estou me isolando só para não precisar ouvir certas coisas, não sei se isso me faz bem ou mal, acho que só estou tentando me defender dos meus próprios pensamentos.

6 comentários :

  1. Karol, algumas pessoas podem achar que sim, mas correr atrás de uma cirurgia assim não é fácil, não. Não é o caminho mais curto e não é falta de "coragem", muito pelo contrário. É preciso ter MUITA coragem para encarar uma cirurgia e mais ainda para admitir estar precisando dela. Não se sinta culpada por isso, de modo algum. Não se sinta culpada porque algumas pessoas ignorantes não entendem e pensam que essa seria uma "saída fácil" para o problema. Não, Karol. Se sinta corajosa, se sinta forte e segura. Não é todo mundo que encararia tudo o que você está passando, e já passou, e ainda vai passar. E, ainda por cima, expor isso em um blog com a intenção de ajudar outras pessoas.
    Olha, eu não posso falar muito, porque não conheço quem te fez esse tipo de pergunta, mas penso que talvez as pessoas façam essas perguntas não com a intenção de te ofender, mas porque não pensam mesmo antes de falar. E você, como já está ansiosa e tensa por tudo o que está passando, leve para o lado ruim com muito mais facilidade do que faria antes.
    Eu não sei, Karol... Só não deixe essas coisas te abalarem. Essa não é a Karol que eu conheço. ;)
    Força aí!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Aninha, muito obrigada pelas palavras. Eu sei que as pessoas falam sem querer ofender, sou eu mesma que não estou boa para responder certas perguntas. Estou triste comigo mesma e isso reflete em tudo né?!
      Vou tentar me animar mais e levar as coisas menos a sério, como sempre fiz. Já passei por tanta coisa nessa vida, e não vai ser isso que vai me derrubar!!!!!
      Obrigada pela força Aninha, um grande beijo! <3

      Excluir
  2. Karol, não deixe que todo esse sentimento ruim (pq ao meu ver é ruim sim) abale você. Sabe, na vida a gente não consegue tudo sozinha, só que ter coragem de enfrentar a situação e pedir ajuda só depende da gente e você conseguiu isso SOZINHA. Não deixei que comentários tontos abatam a pessoa alegre que você, não vale a pena. Grande beijo, Laurinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Laurinha, pode deixar que eu não vou mais me abalar... Ainda bem que eu tenho vocês!! <3

      Excluir
  3. Não fique assim. Você tem de se orgulhar por ter tomado uma decisão. E por essa decisão você vai dar um novo rumo a sua vida e isso trará consequências, é um fato. E toda consequência tem os aspectos positivos e negativos.
    Tenta levar na brincadeira, tenta entender que você não precisa se justificar pra ninguém; as pessoas tendem a supor que "todo gordo é gordo porque tem algum problema" então as pessoas não sabem o que você passa, não tem então nenhum embasamento pra te falarem merda e você levar a sério!
    Ignora, Samba na cara da sociedade, seja a sua diva linda :3

    beijos enormes!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, eu estou tenta Dinha, nos últimos dias eu tenho tentado me socializar mais, pois o meu psicólogo disse que isso que eu estou sentindo é ansiedade. Segundo ele, eu estou tão ansiosa para fazer as coisas logo que não quero falar do assunto, quero que aconteça logo!
      Bom, eu sei que não vai ser tão rápido assim, então não adianta me isolar né? rsrsr

      Excluir

Conte-me a sua história, deixe um comentário. Aqui as suas Opiniões e sugestões são sempre bem vindas <3

Ocorreu um erro neste gadget